6 de novembro de 2010

O EMBATE DA CPMF, NOVAMENTE!


Mal terminaram as eleições presidenciais e já se dá o primeiro embate político relevante.
O tema: a recriação da Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira (CPMF).

A maioria dos governadores eleitos já se inclinaram a favor do imposto, alguns ainda não se manifestaram e outros se dizem contrários. A oposição obviamente posiciona-se contra os interesses do governo, entretanto essa é uma tarefa difícil por várias razões.

A tendência é todo governante em início de mandato, em especial a nova Presidente da República, atual Ministra Dilma Rousseff, ter maior poder de governabilidade no início do mandato, devido a fatores como sua alta popularidade (campanha e vitória recentes), base governista mais sólida e que quer mostrar a força que tem, oposição ainda fraca e desarticulada (talvez isso modifique ao longo do ano...veremos), etc.

Em 2011 a oposição será mais fraca numericamente e isso dificultará barrar iniciativas como essa e a governabilidade de Dilma poderá não ser tão ameaçada, desde que ela saiba como jogar o jogo de Brasília. Por outro lado a oposição terá que jogar duro para ganhar as batalhas e as guerras, mas se conseguir poderá utilizar isso como uma vantagem num furuto próximo.

A “opinião pública” parece ainda não ter se posicionado, continuam a noticiar os fatos, mas sem escolher um lado. Ou já escolheram, né?!...

Dilma, entretanto, disse que não pensa em qualquer proposta nesse sentido, mas essas decisões, como sabemos, podem mudar do dia para a noite. Lula é visivelmente a favor da CPMF e essa seria uma “paulada nos dedos” da oposição, o troco, se ele conseguisse aprovar, mas quem manda agora é Dilma. O que ela decidirá?

A esquerda no poder tem dançado muito pelo centro. O Governo fará o que for melhor para governar, mas, talvez, poderemos ter alguma surpresa agradável no percorrer dessa história...SERÁ? Que Deus nos abençoe e que as decisões sejam boas para o Brasil e para os brasileiros, amém!

Mas não adianta só rezar minha gente. Se o povo tem que mandar uma mensagem aos políticos a hora é agora, então...MEXA-SE E FAÇA SUA PARTE!

Escolha o seu lado e manifeste-se! DICA: O Congresso Nacional odeia abaixo assinados.

Um comentário:

Rogerio Bohn disse...

Muito bom... parabens pelo Blog

Cotações do Dolar e do Euro

Pesquisar este Site